História e Dados Geográficos

 

No início do século 16, o território do atual município de Camaçari era habitado pelos tupinambás. A colonização portuguesa começou em 1558, quando os jesuítas fundaram a Aldeia do Espírito Santo de Ipitanga, às margens do Rio Joanes. Era uma missão para catequese dos índios.

Em 1758, a aldeia foi elevada à categoria de vila, chamando-se Vila Nova de Abrantes. No ano seguinte, os jesuítas foram expulsos do Brasil.

A primeira ferrovia chegou em 1860, promovendo o desenvolvimento local. Em 1920, foi criado o distrito de Camassary, desmembrado de Abrantes. Posteriormente, a sede municipal foi transferida para Camassary.

O município, chamado atualmente de Camaçari, possui 275 mil habitantes (2013). Faz parte da Região Metropolitana de Salvador e possui em extenso litoral. O Polo Industrial de Camaçari é um importante centro econômico da Bahia. Também abriga o Complexo Industrial Ford Nordeste, inaugurado em 2001. É a maior fábrica da marca no Brasil, produzindo 250 mil veículos por ano.

Camaçari possui grande patrimônio ambiental e abriga as unidades de conservação APA Rio Capivara, Parque das Dunas de Abrantes, Cinturão Verde de Proteção do Complexo Petroquímico de Camaçari, APA Lagoas de Guarajuba, Parque Garcia D´Ávila e parte da APA Joanes-Ipitanga. Os principais rios são: Joanes, Camaçari, Capivara, Jacuípe e Pojuca.

A área do município, de 760 km², é a maior da Região Metropolitana. A temperatura média é de 26°C.

Mais: Prefeitura de Camaçari

 

◄ Camaçari

 

Aspecto do litoral de Camaçari.

 

Caiaque Rio Jacuipe

 

 

Busca Temática

 

Copyright © Guia Geográfico - Camaçari BA, História e Dados Geográficos.

 

Litoral Camaçari

 

Trecho do rio Jacuípe, em Camaçari.

 

Turismo Camaçari

 

 

 

 

Divulgação